Ligue!

11.5543.0039

Atitudes nerds que podem ajudar o mundo



Certo como 2 e 2 são 4, o mundo gira, os dias passam e o sol nasce. Também é fato que morreremos em algum momento e que daqui a bilhões de anos a Terra será explodida por algum asteróide gigantesco ou mesmo engolida por alguma estrela. Mas quem se importa com isso? Estamos muito ocupados realizando guerras e destruindo o planeta, num esforço coletivo pra antecipar o fim de tudo. E como os nerds poderiam ajudar a aumentar nossa estada no planeta?

Nas Guerras, ficaria decidido que qualquer conflito  entre regiões, etnias, países, etc. seria resolvido na base do Paintball. A regra é clara, quem se sujar menos de tinta vence. Outra alternativa seria resolver tudo com Nerfs, mas convenhamos paintball é mais legal.

E a violência doméstica? A partir de agora, em qualquer ocasião onde um marido queira bater na esposa ou uma mãe queira espancar um filho será resolvida no Street Fighter. Os agressores devem  descarregar a raiva no jogo, e somente nele. Se forem agredir os filhos, devem jogar contra eles, mas só podem usar o Blanka e os botões de chute fraco e soco fraco. Quem vencer dá porrada de verdade no outro.

No âmbito das catástrofes naturais, todos os políticos e governantes terão que jogar Sim City ao menos 4h por dia, para aprender sobre planejamento urbano, finanças, cuidados com a população e prevenção e contingenciamento de desastres;

E por fim, no quesito Religião/Ateísmo: toda vez que alguém for humilhado, desmerecido ou discriminado por sua crença ou falta dela, o agressor será obrigado a citar pelo menos 100 casas decimais do Pi, sem errar, em 60 segundos. Só é liberado quando acertar e ainda passará 50 anos proibido de comer bacon.

Fonte: Byte Que Eu Gosto

Nilza Botteon

Mais de 20 anos de experiência em Jornalismo, com ênfase em Assessoria de Imprensa, desenvolvendo e liderando projetos de Construção de Marca e Relacionamento com a Imprensa. Sócia-fundadora e diretora da Ecco Press Comunicação desde 2003, ao lado de Renata Garcia Bernardes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

© Ecco Press Comunicação Ltda  •  by Oibê  •  RSS